BEM-VINDO À REVISTA ESPÍRITA ASSEAMA

Influência: uma realidade

Enquanto seres humanos, mas acima de tudo Espíritos, estamos em constante aprendizado através das nossas vivências e experiências. Nesse processo compartilhamos nossa existência com outros que estão nessa mesma busca e a todo momento sofremos influência e influenciamos. A própria construção de nossas personalidades, de nossas escolhas não estão isentas dessa atuação.

Se olharmos para o mundo verificamos que essa capacidade é bastante valorizada. Não obstante tratar-se de uma característica geral, várias profissões são alicerçadas nessa habilidade. Citamos, de forma exemplificativa, advogados, coaches, digital influencers. Mas não se trata de algo novo e desconhecido; muitas personalidades, que hoje são lembradas mesmo anos após seus desaparecimentos, foram, em seus tempos, influenciadores.

Mas a influência também se desenvolve em nossas relações extracorpóreas, ou seja, no intercâmbio entre o mundo físico e espiritual. Estamos incessantemente cercados por uma multidão de Espíritos que, por serem invisíveis aos nossos olhos materiais, Entre os Espíritos que nos rodeiam, há os que se vinculam a nós, que agem mais particularmente sobre o nosso pensamento, aconselham-nos, e cujo impulso seguimos sem o saber1.

Paulo já nos dizia isso ao citar que estávamos cercados por uma nuvem de testemunhas2, que se movimentam ao nosso redor e, de acordo com suas características pessoais, ou mais apropriado, sua evolução espiritual, nos impelem ao bem ou ao mal de forma que nossas atitudes são resultado dessas sugestões3 as quais acatamos de acordo com a nossa própria condição e vontade e atendendo ao imperativo do livre arbítrio4.

Relevante mencionar que, não importando qual nosso posicionamento, podemos afirmar com segurança que a escolha é de nossa total responsabilidade. 

1 RE, outubro de 1858
2 Hebreus, 12:1
3 RE, setembro de 1859
4 RE, janeiro de 1863