BEM-VINDO À REVISTA ESPÍRITA ASSEAMA

Couve: a verdura que vai bem de várias formas

“Lentamente, em razão da própria consciência, descobre os tesouros preciosos que lhe estão à disposição e dos quais pode utilizar-se com infinitos benefícios.”  Livro Vida Feliz. Divaldo P. Franco, pelo espírito Joanna de Ângelis.

A couve é um vegetal rico em nutrientes: vitamina C, A, minerais como potássio, cálcio e ferro que ajudam a prevenir e tratar doenças tipo anemia, câncer e pressão alta. Possui fibras, antioxidantes, tem efeito anti-inflamatório e auxilia na eliminação de toxinas. 

Existem vários tipos de couve como a couve de bruxelas, kale, japonesa, manteiga, roxa, podendo ter folhas lisas, tipo a couve manteiga, ou onduladas, como a couve kale. É uma verdura que vai bem de várias formas: pode ser consumida crua, refogada, em farofas, bolos, caldo verde e sucos, por exemplo. A couve, consumida crua, é um dos principais ingredientes do suco verde, um superalimento riquíssimo para a saúde. Tomado em jejum, nutre o organismo diretamente nas células, facilita a digestão, regula o intestino, promove mais disposição, reforça a imunidade, além de desinchar o corpo e auxiliar o emagrecimento. É uma fonte de energia e saúde. Com tudo isso, agora é só incluir essa maravilha da natureza na sua alimentação e ser feliz.

Suco verde vivo

Ingredientes:

1 pepino
2 maçãs
4 folhas de couve
1 cenoura
1 porção de semente hidratada (girassol, gergelim, quinoa, etc)
1 folha aromática (alecrim, hortelã, manjericão, etc.)
1 porção de gengibre

Preparo:

– Pique o pepino e coloque no liquidificador, seguido da maçã e as sementes. Bata empurrando com a cenoura, o socador natural.
– Pique as folhas e o gengibre e vá acrescentando aos poucos para bater no liquidificador com a tampa aberta. O que sobrar da cenoura, pique e bata junto.
– Coe no coador de voal ou num pano de prato, aos poucos, e tome, preferencialmente em jejum