BEM-VINDO À REVISTA ESPÍRITA ASSEAMA

A Família Indo-Europeia

Emmanuel em A Caminho da Luz, descreve a trajetória desses nossos irmãos, em processo de recuperação cármica oriundos de Capela, encarnados na Sociedade Hindu, que não conformados com os sistemas religiosos vigentes migraram para outras paragens. Em movimentos migratórios, estes verdadeiros nômades buscavam respostas para suas inquietações espirituais, confraternizando e miscigenando com diversos povos primitivos de todo o globo e servindo como instrumento da Providência Divina para impulsionar o Progresso e Evolução do Homem. Mantinham como princípio o amálgama com todos os povos que encontravam formando o conceito da Raça Ariana. Criando um mundo novo para si, foram pragmáticos, organizando as primeiras noções políticas de vida coletiva, onde cada tribo elegia um chefe que conduziria a vida em comum. Estabeleceram noções de economia para os movimentos agrícolas e pastoris e mesmo o senso de propriedade privada floresceu destas gestões. 

Assim estudando, somos capazes de perceber os pródromos do que hoje chamamos de civilização, onde a hierarquia estabelece a governança, a partir do voto comum. As primeiras noções de democracia, de interesses coletivos centrados na representação de um chefe, a economia nascendo, tudo isto se fazendo hoje uma herança, muito bem estabelecida, de que nos valemos para formar, com o tempo, através das experiências ao longo de milênios, nossa própria forma de governança e de negociação, formatando as sociedades que hoje compõe a Terra. 

A Seguir veremos o surgimento de suas manifestações religiosas pelo mundo. Até Lá.