BEM-VINDO À REVISTA ESPÍRITA ASSEAMA

Passos para a nossa evolução

Uma das primeiras orientações de Kardec no Evangelho Segundo o Espiritismo é afirmar a autoridade da Doutrina Espírita. Ele considera esse assunto tão importante que o coloca justamente no livro que nos dará a diretriz e os caminhos para a evolução, segundo os ensinamentos do próprio Cristo. 

Para compreender melhor as orientações deixadas por ele, é preciso que façamos primeiro um breve estudo a respeito do que é a Doutrina Espírita. Kardec nos esclarece, ao longo de toda a Codificação Espírita, que ela aborda ciência, filosofia e religião. Une a Doutrina Espírita ao pensamento científico e seu desenvolvimento ao pilar do espiritismo, que é a religiosidade sob o aspecto do estudo das diretrizes cristãs, do mapa deixado por Jesus para o espírito. 

Baseia-se a Doutrina Espírita na relação entre o mundo material e o espiritual para o desenvolvimento da religiosidade como uma religação com Deus. A Doutrina Espírita traz as informações deixadas pelos espíritos, no entanto, nos esclarece Kardec, ao longo de toda a Codificação, que há espíritos menos evoluídos que trazem informações através de médiuns despreparados e essas informações podem ser passadas como orientações e estarão equivocadas e diferentes das deixadas pelo Espirito de Verdade ao longo de “O Livro dos Espíritos” ou das diretrizes deixadas pelos espíritos que comentaram os versículos selecionados por Kardec. 

Informa Kardec que uma mensagem nova é sempre trazida para vários médiuns por diversos espíritos em lugares distintos. Dessa maneira, não se pode deixar apenas sob os cuidados de um único médium todas as revelações informadas. Importante notar que nos dias de hoje, após mais de 150 anos da Doutrina Espírita, temos uma base imprescindível para as novas informações. Então, precisamos criar o hábito salutar de estudar com frequência toda a Codificação Espírita baseada em “O Livro dos Espíritos”, “O Livro dos Médiuns”, “A Gênese”, o próprio “O Evangelho Segundo o Espiritismo” e “O Céu e o Inferno”. 

Nessas obras, temos as diretrizes, o pilar, a base na qual estão centradas todas as outras revelações. Podemos dizer, com segurança, que as orientações deixadas ao longo destes anos da Doutrina Espírita e as que vieram após esse período são desdobramentos dos profundos estudos deixados pelo Espírito de Verdade e por outros espíritos luminosos. 

Na Doutrina Espírita, cada palestra, cada livro, cada estudo que fazemos deverá ser norteado pelo conhecimento que adquirimos estudando a Codificação Espírita. Por isso, a preocupação da Asseama de desenvolver esta revista espírita para abordar esses ensinamentos.