A biomassa de banana verde vem sendo popularizada a cada dia que passa. Seus benefícios são enormes, além de ela ser prática e versátil, é possível usá-la em diversas receitas.

Suas propriedades são aliadas a perda de peso, já que o amido presente na biomassa funciona como uma fibra solúvel, promovendo a saciedade e ajudando a controlar o apetite, além de reduzir a absorção de gorduras e açúcar. Ademais, a biomassa de banana verde não possui glúten ou lactose, tendo um baixo índice de gordura. Abaixo temos uma tabela nutricional, considerando 100g de biomassa de banana verde:

informaçao-nutricional

Por não possuir sabor característico de banana, a biomassa pode ser usada tanto em receitas doces como salgadas. Ela ajuda a encorpar ingredientes e pode ser usada como emulsificante. Alguns exemplos são creme de leite, maionese e até mesmo leite condensado.

Os benefícios da biomassa são inúmeros, como prevenir a diabetes, melhorar o funcionamento do intestino e controlar os níveis de colesterol. Aliada a uma dieta balanceada e práticas saudáveis de exercícios físicos, a biomassa de banana verde pode auxiliar na redução de peso e numa vida mais saudável.

Agora que você já sabe os benefícios da biomassa e como ela pode ser usada em receitas, vamos aprender a fazer essa belezinha? Anote os ingrediente e vamos lá!

COMO FAZER BIOMASSA DE BANANA VERDE

Separe as bananas da penca com cuidado para se manterem íntegras e fechadas. Lave-as bem sob água corrente e em uma panela de pressão, ponha água até a metade. Espere ferver, coloque as bananas e tampe, após pegar pressão, abaixe o fogo e cozinhe por 10 minutos. Desligue o fogo e deixe a pressão sair naturalmente, descasque as bananas – ainda quentes – com a ajuda de um garfo e bata no liquidificador ou processador até obter uma massa homogênea. Caso esteja difícil de bater, juntar a mistura um pouco de água fervente (não usar a água do cozimento).

Utilize a biomassa na hora ou congele para usar posteriormente, tendo validade de até 3 meses no congelador. Para um melhor descongelamento, opte por banho-maria, para evitar que talhe, ou use congelada apenas em smoothies ou sucos.

 

FONTE: Dr. Juliano Pimentel – Alimentação que transforma